O Visconde que me amava

ATENÇÃO: Segundo livro da série Os Bridgertons, cujo primeiro livro é O Duque e Eu
Esse livro contém conteúdo para um público adulto (maiores de 18 anos)

Autora: Julia Quinn
Editora: Arqueiro

    Muita gente veio a conhecer os Bridgerton com a série da Netflix, e eu tinha começado a ler os livros ano passado graças à uma amiga minha (bj Suki!), que me indicou. Estou escrevendo esse post após uma releitura de O Visconde que me Amava, que realizei esse ano.

    O livro é focado no primogênito da família, o visconde Anthony Bridgerton. Um conhecido libertino na sociedade e alvo das mães casamenteiras, ele resolve se casar para cumprir suas obrigações familiares. Nessa temporada, a mais bela debutante é Edwina Sheffield (posso dizer que amo esse nome?), uma jovem de 17 anos belíssima, muito elegante e educada, mas de uma família sem tantas condições financeiras. Entretanto, para conquistar seu coração, ele precisa da aprovação da irmã mais velha, Kate. 

    E Kate não facilita nem um pouco. Preocupada com a reputação do cavalheiro e com a felicidade da irmã, a conquista se torna uma competição entre dois teimosos, com várias discussões e talvez centelhas inesperadas. 

"Edmund Bridgerton faleceu aos 38 anos. E Anthony simplesmente não podia imaginar-se 
superando o pai de forma alguma, nem mesmo em idade."

    Os dois personagens principais estão bem decididos sobre o que querem, e são bem teimosos. Kate está preocupada com a felicidade da irmã, e dada as condições financeiras da família, existe uma pressão para que haja um bom casamento. Ela foi e é comparada a beleza da irmã o tempo todo, e acaba sendo um pouco apagada por causa disso. 

    Já Anthony é muito específico sobre o que quer de uma esposa e considera Edwina a opção perfeita antes mesmo de conhecê-la. Isso traz muito conflito com Kate, dada a sua reputação e preconceitos definidos pela coluna de Lady Whistledown. A história me lembrou muito Dez coisas que odeio em você, onde precisam conquistar a irmã mais velha para chegar à mais nova, com a diferença de que não há outro pretendente. 

    Achei muito interessante a forma com que a autora lidou com questões sobre luto,  medos  e segredos nesse livro. A caracterização dos personagens é bem feita e os dois me conquistaram, apesar de Anthony ter várias atitudes bem repreensíveis no livro. Estou animada para ver essa história adaptada na série e querendo saber qual será a atriz escolhida para a protagonista e sua irmã. 

    E vocês, animados com essa série, já leram esse livro? Não esqueçam de comentar abaixo!

Boa leitura!

*Comprando nos links acima você ajuda o blog com uma pequena porcentagem da compra, sem aumentar o valor para você :)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...