A Esperança


ATENÇÃO: Essa resenha fala sobre o último livro da trilogia "Jogos Vorazes", então se você não leu os outros dois (Jogos Vorazes e Em Chamas), recomendo que não leia esta resenha, pois terá spoilers.


Autora: Suzanne Collins
Editora: Rocco

   E aqui estamos, na reta final. A revolução chegou, e não há volta. Katniss escapou novamente dos Jogos Vorazes, mas Peeta ficou para trás, preso na Capital. O Distrito 12 deixou de existir, bombardeado pela Capital, poucas pessoas restaram, e só a Aldeia dos Vitoriosos se encontra de pé. Ela acorda no Distrito 13, antes conhecido como um o distrito destruído, e que acabou sendo que na verdade um distrito que conseguiu fugir das garras da Capital e sobrevivia à duras penas no subterrâneo.

   Katniss foi resgatada para ser o Tordo, o rosto e o incentivo para os distritos finalmente se libertarem da Capital e se rebelarem junto ao 13. Entretanto, a coisa não é tão fácil quanto parece. Katniss permanece dividida entre seguir essa função, a preocupação com a vida de todos que ama e a desconfiança perante à presidente Corin, líder dos rebeldes.

   Aceitando sua missão, Katniss passa a visitar os distritos e ver a destruição que a revolta causou neles. Milhares de pessoas mortas, doentes, feridas, e uma devastação desoladora. Com sua impulsividade ela consegue o que ninguém consegue num estúdio, a raiva e a força para  incentivar a população. Mas muito tem a acontecer ainda. Katniss percebe que mais uma vez está presa numa situação em que nem tudo está sendo contado para ela, e esse sentimento de que está sendo novamente usada a faz repensar muita coisa.

   O livro gira em torno de muitos assuntos dolorosos e reflexivos para todos nós. Até que ponto uma guerra, um ataque, é aceitável? Até que ponto pode se fazer uso da força, e o pior de tudo, o que há realmente por trás das causas que lutamos?

    O término do livro foi doloroso por muitos mais motivos do que só o término de uma história, e apesar de muitas vezes ter ficado com raiva da passividade e da impulsividade de Katniss, no fundo temos que ver que é somente uma menina, que teve que amadurecer e passar por coisas inimagináveis até a idade apresentada no final, e que sofre muito mais abalos mentais que possamos um dia sofrer.

   Deixo aqui um convite não só para a leitura da série, mas também para refletir nas atitudes e no que o livro realmente debate pois, ao meu ver, esse livro só se encaixa num público juvenil para que se possa ter a esperança de um povo com mais humanidade.

Compre aqui: (você ajuda o blog com uma pequena porcentagem sem aumentar o valor da sua compra) Americanas, Cultura, Fnac, Saraiva, Submarino, Travessa.

Para quem quiser a trilogia completa: AmericanasCulturaFnacSaraivaSubmarinoTravessa.

"Bem no fundo da campina, embaixo do salgueiro
Um leito de grama, um macio e verde travesseiro
Deite a cabeça e feche esses olhos cansados
E quando eles se abrirem, o sol já estará alto nos prados.

Aqui é seguro, aqui é um abrigo
Aqui as margaridas lhe protegem de todo perigo
Aqui seus sonhos são doces e amanhã serão lei
Aqui é o local onde eu sempre lhe amarei."


2 comentários:

  1. Eu simplesmente amei essa trilogia, quando terminei de ler Esperança me pegava a todo momento pensando no livro e no sentimento dos protagonistas, e imaginando um futuro pra eles, não achei que foi um fechamento perfeito para a trilogia, mas foi muito bom.Para mim tbm foi doloroso terminar essa série. Fiquei alguns dias sem conseguir pegar outro livro, pois não parava de pensar no Peeta e na Katniss.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu acabei lendo no dia seguinte justamente para tentar esquecer. O livro me deixou muito triste e pensativa, mas valeu muito a pena ter lido a trilogia. Gosto de livros que me fazem pensar e que possam ser uma chance de mudarmos o dia-a-dia de forma positiva, e esse com certeza se encaixa.

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...